Pesquisar este blog

16 de novembro de 2011

Baccarat: luxo cosmopolita

Interior da Maison Baccarat em Paris por Starck: elegância irreverente.

Reconhecida e memóravel por inúmeras esplendorosas peças do mais fino cristal, a francesa Baccarat vem se renovando sem perder o estilo e a qualidade próprias. Fundada em 1764 pela permissão do Rei Luis XV ao bispo Montmorency-Laval de Metz para criar oficinas de trabalho vidreiro na cidade de Baccarat (localizada na região de Lorraine, no nordeste do país), desde então produziu de espelhos a diversos utilitários utilizados por toda a corte e também por outras casas reais europeias, devido à beleza e nobreza de sua produção. Mas um destaque certamente lembrado por todos são seus magníficos lustres, fabricados com peças em cristal finamente lapidadas e montadas à perfeição para uso em castelos, catedrais, teatros e outros espaços onde luxo e poder são comuns.

"Reflex" e "Architecture": dois belos e contemporâneos vasos da grife.

Coleções completas para mesas de nobres, sheiks e marajás foram criados sob encomenda e com exclusividade resultando em peças de mais pura arte – muitas delas já fazem parte de coleções de museus de arte em todo o mundo. A própria empresa mantém dois museus, sendo um deles em Nova York e outro em Paris, onde mostra um pouco da evolução das técnicas utilizadas na fabricação dos cristais além de curiosidades e peças de especial interesse.

Um dos mais belos lustres de cristal Baccarat foi fabricado em 1912 para o Hotel Negresco, em Nice.

Mas além de toda a tradição, a Baccarat se preocupa com a evolução de sua marca. Em 2003 uma grande mudança foi feita em toda a empresa que se mudou da antiga sede para o palacete de Marie-Laure de Noailles, uma das mais influentes patronesses da arte no século XX. Localizada na place des Etats-Unis em Paris, toda renovação foi capitaneada por ninguém menos que Philippe Starck, que teve carta branca para preparar o espaço para receber a grife. São 3 mil metros quadrados com boutique, museu, restaurante e a original sala de peças excepcionais. Além de ponto de encontro, o espaço se transformou também numa referência de tudo que a grife sempre foi para a França: art de vivre, luxo e cosmopolitismo.

Peças de Jayme Hayon, Philippe Starck e Marcel Wanders para a Baccarat: novos tempos da marca.

Esta mudança também foi fundamental na orientação dos novos designs das peças que além de contar com os clássicos consagrados passou também a abrigar peças contemporâneas, criadas por alguns dos melhores profissionais do mundo na área: coleções especiais deJayme Hayon, Marcel Wanders, Thomas Bastide e do próprio Starck, agora fazem parede das linhas disponíveis nas boutiques da marca em todo o mundo. Deste modo, a Baccarat conserva sua tradição e se mantém aliada ao que há de melhor na globalização.

Extraído: http://www.safirasedas.com.br/blog/

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...